O que o sono pode esconder

Considerados comuns, ruídos durante o sono podem significar alterações respiratórias prejudiciais à saúde

Assim como acontece com os adultos, o sono infantil pode ser um momento no qual ocorrem uma série de eventos que podem ser prejudiciais a saúde dos pequenos. Por vezes considerado como algo “normal”, o ronco durante o sono da criança pode ser o sinal de uma série de alterações na dinâmica respiratória da criança.

– Há anos a Academia Americana de Pediatria já recomenda que o questionamento sobre a presença de ronco noturno deva fazer parte da consulta de puericultura – comenta a médica pediatra e presidente do Comitê de Pneumologia da Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul (SPRS), Magali Lumertz pneumologista infantil e especialista em medicina do sono.

Quando ocorre uma resposta afirmativa e/ou da presença de sinais ou sintomas sugestivos de apneia obstrutiva do sono, o paciente deve ser encaminhado para uma avaliação mais acurada. A síndrome da apneia obstrutiva (SAOS) ocorre quando há uma dificuldade na passagem de ar pela via aérea superior associada a achados como ronco habitual, engasgos noturnos, alteração de comportamento diurno e enurese.

– Hoje já se sabe que não só a SAOS, mas também o ronco primário (aquele não associado a SAOS) podem impactar de modo negativo no desenvolvimento da criança, prejudicando seu desempenho escolar ou expondo-o a maior risco de acidentes, por exemplo – completa.

Estão associados como fatores de risco a presença de hipertrofia tonsilar, de sobrepeso/obesidade e de dismorfias craniofaciais.

A semana do sono, que este ano ocorreu de 11 a 17 de março, sempre é um momento de reflexão para este ato que ocorre rotineiramente na vida de muitos pacientes, e que é por vezes negligenciado.

0Shares

NÃO ESQUEÇA DE DEIXAR SEU COMENTÁRIO

É muito importante pra gente saber sua opinião

MAIS DA SOL FM